O que é BIM?

Empresas de todas as áreas estão em constante busca de soluções para reduzir custos, melhorar produtividade e rentabilizar seus negócios. Muitas delas têm encontrado na tecnologia um forte aliado nessa expansão.
Nossa empresa, focada na busca constante por soluções de tecnologia para a área de arquitetura e engenharia, apresenta esta proposta de prestação de serviços de consultoria e suporte na qualificação e implantação do conceito BIM – Building Information Modeling/Modelagem da Informação da Construção, com a utilização das ferramentas Autodesk.
A missão da nossa empresa é proporcionar aos nossos clientes uma visão específica em tecnologia em várias fases do ciclo de vida do empreendimento, desde os estudos de viabilidade, projetos, orçamento, planejamento, execução e manutenção.

A tecnologia BIM interfere em todos os processos de projeto de uma empresa e sua implantação deve ser cuidadosa e criteriosa, levando-se em conta as especificidades, os processos, a cultura e o objetivo de cada empresa que opta por implementar o BIM.
A sua implementação deve ser feita através do estabelecimento de um projeto formal, minimamente estruturado e documentado para que seja bem-sucedida.
Propomos uma metodologia, baseada em experiências anteriores, que passa por diversas etapas. Cada uma das etapas prevê atividades específicas que preparam a empresa para um nível superior de integração e colaboração.

Para quem está começando a estudar o assunto, o BIM pode ser entendido por muitas definições. Nós temos a nossa.
A imagem acima representa bem o conceito BIM. São diversas atividades girando ao redor do conceito, em direções e tamanhos diferentes. Cada elemento no conceito BIM tem um desdobramento em outras direções com níveis diferentes de importância.

O BIM é um conceito, é uma forma de pensar e elaborar projetos de arquitetura e engenharia.
Este conceito rege, entre outras coisas, que os projetos precisam ser pensados considerando todo seu ciclo de vida, desde sua viabilidade até sua manutenção, passando inevitavelmente pela expressão gráfica, compatibilização de disciplinas, planejamento, orçamento, execução, medição e qualidade do empreendimento. Na prática, este conceito exige que os projetistas pensem em todas estas fases antes mesmo de abrirem os programas.

O BIM (Building Information Modeling) é um conceito, é uma forma de pensar e elaborar projetos de arquitetura e engenharia. Ele associa alta tecnologia com as necessidades do dia a dia de arquitetos e engenheiros, passando do 2D para o 3D. Este conceito dita, entre outras coisas, que os projetos sejam pensados considerando todo seu ciclo de vida.

O BIM é o futuro! E o melhor: é um caminho sem volta!

Um dos programas mais utilizados no Brasil e no mundo é o Revit, da Autodesk. Criado já dentro do conceito BIM, o Revit incorpora diversos recursos que possibilitam esta integração de disciplinas, fases e projetos. No entanto, ele em si, ainda é um programa. A implantação e uso do conceito BIM está nos processos de elaboração e gestão dos projetos e profissionais envolvidos.

O BIM trouxe aos seus usuários diversas vantagens como qualidade, velocidade, informação e controle.

Nosso trabalho, enquanto consultora BIM, é estudar e desenvolver as melhores práticas do uso do conceito BIM e aplicá-los nas empresas que nos contratam.

Portanto, ao contratar a David Pinto Consultoria você conta com uma equipe que está em constante estudo e aprimoramento, sempre pensando na melhor forma de atender e de auxiliar todos os nossos clientes.

Queridos arquitetos e construtores, BIM nada mais é do que um conjunto de modelagens que simulam o projeto todo. Não é somente o que pode ser visto quando as chaves são entregues. Um bom projeto BIM é uma obra virtual, portanto, quanto mais detalhada for a obra virtual, melhor será a execução da obra física.

Para construir, é preciso planejar e orçar! É nessa hora que o BIM entra no negócio. Para que uma construtora usufrua o melhor do BIM, ela deve determinar como quer receber seus projetos: são os BIM Mandates, que são um conjunto de padrões e procedimentos para modelagem. E estes padrões estão diretamente relacionados à sua forma de planejamento, orçamentação, medição, construção e manutenção. Não adianta pedir aos escritórios de arquitetura: “Me venda um projeto em BIM. Tchau!” e, meses depois de receber o projeto feito em Revit, reclamar ao escritório de arquitetura sobre os quantitativos nas tabelas que não estão organizados e não gerando as informações que precisa.

A construtora deve montar seu manual, seu template e sua biblioteca personalizada e voltada para suas atividades. Quase sempre, vinculados ao seu sistema de orçamento, planejamento, medição e manutenção do projeto. Neste manual está descrito quais e como as informações devem estar no projeto modelado: camadas de revestimento de paredes, forros e pisos, tipologias de pedras, nomenclaturas de famílias. Tudo a fim de serem lidas pelo programa de orçamento, parâmetros para medição e manutenção, etc.